SHIATSU

ShiatsuA palavra SHIATSU ( shi=dedo, atsu=pressão) é recente, porém a influencia da Medicina Chinesa ao Japão inicia-se no século VI, com o intercâmbio entre Japão e China.

Prática Terapêutica

Essas antigas artes de curas foram transmitidas, através de vários livros escritos por médicos da corte japonesa, ao longo do tempo. A medicina popular daquela época se fortaleceu e terapias como o Shiatsu ganharam o status de medicina preventiva, melhorando a qualidade de vida da população.

Os praticantes do shiatsu acreditam numa força vital chamada ki que circula por todo organismo. A terapia com o Shiatsu tem como objetivo regularizar o fluxo de “Ki” do organismo através dos pontos e canais de energia do corpo chamados meridianos.
O Shiatsu aplica pressão manual e digital sobre a pele com o intuito de prevenir e curar a doença pela estimulação dos poderes de recuperação naturais do corpo, eliminando elementos que produzem fatiga, e promovendo a boa saúde geral.

Os meridianos são definidos como canais de energia magnética vital do corpo, associados com o funcionamento dos órgãos internos.
Cada meridiano está ligado a um órgão ou função dentro do organismo por onde circula o ki, sendo que cada ki pode ser conectado em certos pontos chamados “pontos de acupuntura” ou como é conhecido em japonês “tsubos”.

O shiatsu tem como objetivo tratar a causa do problema e não apenas o problema em si. Como muitas vezes as causas são complexas e uma avaliação da situação física e psicológica do paciente demanda muita experiência e familiarização com o paciente, o ideal é que a técnica do shiatsu seja aplicada ao corpo todo.

Como foi explicado, toda doença é causada pelo excesso ou deficiência da ki.

Mas como saber se o organismo está com excesso ou deficiência da ki, já que não é nada visível?
Com o passar do tempo o profissional aprende a sentir o excesso ou deficiência da ki no organismo do paciente através do contato com as diferentes partes do corpo. Portanto, o que conta muito nesta hora é a experiência da pessoa que está aplicando a técnica.

Muitas vezes, o cliente traz como queixa dores localizadas que se repetem com frequência, cãibras e ate´ mesmo dormências (parestesias ou formigamentos), insônia, fadiga, depressão, ondas de calor, alterações hormonais e metabólicas.

Todos os pontos correspondentes a um Meridiano exercem uma maior ou menor ação sobre o órgão ou função.
Doze são os meridianos pares simétricos distribuídos pelo corpo, Seis Meridianos Yin e Seis Meridianos Yang e cada Meridiano possui sete pontos importantes,cuja ação é específica com respeito ao funcionamento do órgão com o qual está relacionado.
Seriam eles: Pontos de Alarme, de Tonificação, de Sedação, Pontos Fonte, de Assentamento, Ponto Geki e Ponto Horário.

Mundo afora, temos a influência do Shiatsu Sistema Namikoshi, o mais respeitado do Japão, que trata de pontos sobre nervos, músculos, etc. O outro grupo, mais humanista, é aquele pelo qual o Shiatsu Emocional recebe a maior influência.

Diferentes técnicas lhe proporcionarão sem dúvida bem estar geral, além do equilíbrio do meio interno (Homeostasia).

Procure sempre um profissional Habilitado

Retirado da página https://www.facebook.com/Homeosstasis – Christiane de Souza e Silva

2 comentários sobre “SHIATSU

  1. léa disse:

    Que interessante!!!A única coisa que eu sabia era isso: shiatsu é massagem. mas pelo que li, é muito mais e requer mesmo um profissional habilitado! Muito bacana sua postagem!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s